Fazer Negócios Rentáveis na Europa

Fazer Negócios na EuropaSaiba como fazer negócios rentáveis na Europa. Descubra como concorrer a todos os concursos públicos que instituições europeias e organismos abrem regularmente. Coloque a sua empresa a render dinheiro.

Diversificar a lista de clientes, é para a empresa uma das prioridades mais importantes no que diz respeito a se tornar num negócio sustentável, e ainda para mais, quando está a fazer negócios com instituições europeias e organismos de elevada importância. Por isso, e de forma a organizar todos os concursos numa só plataforma online, para ajudar instituições e empresas do setor, foi criado o site de Oportunidade de negócio na UE. Neste site poderá encontrar todos os concursos públicos que as empresas podem concorrer, sendo possível ver os concursos em território nacional ou em toda a Europa, onde também as empresas portuguesas podem concorrer e deixar as suas propostas.

Guia de Negócios na Europa

No site de oportunidade de negócio na União Europeia (www.oportunidadesdenegocionaue.eu) é possível encontrar concursos públicos de diversas instituições europeias, onde é publicado frequentemente novos concursos. É possível efetuar uma pesquisa geral, por tipo de concursos, tipo de contrato ou setores. A possibilidade é ampla.

Para se candidatar aos concursos disponíveis apenas é necessário possuir capacidade financeira, económica, técnica e profissional para cumprir o contrato submetido e será necessário ter um negócio com viabilidade financeira. A capacidade financeira poderá ser demonstrada com base em projetos anteriores ou estudos, e para comprovar a viabilidade financeira da empresa poderá apresentar a sua declaração com o volume de negócios ou da liquidez da empresa.

Além disso, também sugerimos que visite outros sites do mesmo tipo, onde poderá encontrar anúncios de concursos públicos de instituições europeias, como é o caso dos sites: A sua Europa, Contratos públicos e financiamento e Sistema de Informação para os Contratos Públicos. O site da AICEP também tem uma página dedica ao tema para ajudar os empresários portugueses.