Como Analisar um Problema

Resolver ProblemaAprenda a analisar os problemas e saiba como resolvê-los. Os melhores empreendedores são gurus na resolução de problemas. Siga as dicas!!

Hoje em dia, um empresário sem a habilidade para resolver problemas é a mesma coisa que um carpinteiro sem um martelo. No mundo dos negócios, novos problemas aparecem todos os dias, algumas vezes mais rápido do que o esperado.

Enquanto alguns problemas são relativamente insignificantes, outros têm maiores consequências e requerem ação imediata. Infelizmente, muitos donos de negócios simplesmente não têm as habilidades certas para tomar as decisões mais acertadas. Continue lendo para saber quais são os passos que deve seguir para analisar problemas.

Passos para Resolver Problemas

A falta das habilidades necessárias para resolver problemas normalmente não se deve à falta de inteligência ou até ao know-how do negócio. Mais vezes do que esperado, pode ser atribuído à incapacidade de analisar os problemas adequadamente antes de seguir em frente.

Como o tempo é a essência do negócio, os empreendedores têm a tendência de agir antes de considerar realmente quais são os parâmetros da situação. Por isso, para os donos de negócios, o primeiro passo para melhorar a sua capacidade em resolver problemas é aprender como analisar os problemas que enfrentam diariamente.

Aqui ficam algumas questões que precisa de perguntar a si mesmo, antes de tomar uma decisão:

AVISO: Nunca invista dinheiro que necessita imediatamente, porque vai tomar más decisões. Performance passada não é garantia de resultados futuros. O seu capital pode estar em risco.

  • Qual é o problema? Os problemas podem envolver coisas diferentes: pessoas, situações, objetivos, etc. Mas a maior parte dos problemas não envolve tudo ao mesmo tempo. Antes de fazer alguma coisa, leve algum tempo para clarificar a causa natural do problema.
  • É um problema ou são vários? Os problemas realmente desafiantes podem consistir em vários problemas. Como resolver múltiplos problemas simultaneamente não é possível, desconstrua cuidadosamente o problema e resolva cada problema um por um.
  • De que tamanho é o problema? A urgência tende a aumentar o tamanho dos problemas. Dê um passo atrás e determine o tamanho do problema. Talvez está limitado a um único negócio e pode ter efeitos na empresa inteira. De qualquer forma, precisa de saber com o quê é que está a lidar antes de agir.
  • De quem é a responsabilidade do problema? Os “resolvedores de problemas” são adeptos a determinar a responsabilidade para os problemas que recebem. Por exemplo, se um vendedor cometeu um erro que resultou em custos não esperados no envio de encomendas para a sua localização, isso é um problema – mas pelo contrário, pode não ser o seu problema.
  • Como outros resolveram problemas iguais? Não reinvente a roda! Existe uma boa chance que não tenha sido a única pessoa a lidar com o problema que está a enfrentar. Faça alguma pesquisa e baseie as suas decisões em estratégias de resolução.
  • O que é preciso fazer para resolver o problema? Por último, vai precisar de decidir exatamente o que precisa de ser feito para resolver o problema, quanto tempo vai demorar e quem o vai fazer. Mas, quando chegar a esta parte do processo, você pode estar confidente que entende o problema e as suas implicações no negócio.