Definição de Bens

Bens EconómicosSaiba qual é a definição de Bens. Descubra como está relacionada com a economia e o mercado em geral. Aproveite para melhorar a sua educação financeira.

Bens é o plural da palavra bem, que tem a sua origem no termo latim bene. Podem estar relacionados com três grandes conceitos de uso: o bem filosófico, o bem económico e o bem jurídico. Na filosofia, o bem é a noção antagónica do mal. Trata-se de um valor tautológico outorgado à ação de um indivíduo. O bem é aquele desejável, embora nem todas as pessoas desejem o mesmo. Por outras palavras, algo que está bem para uma pessoa pode não estar para outra. Continue lendo para saber o significado da palavra bens.

Continuar a ler

Definição de Mercado

Lei do MercadoConheça a definição mais completa para a palavra mercado. Descubra o conceito económico deste termo. Melhore a sua educação financeira com o Negócios e Dinheiro.

Do latim, e mais exatamente do termo mercatus, é onde encontramos a origem etimológica da palavra mercado. Um termo que é usado com muita frequência na sociedade atual para referir-se a todos os sítios públicos em que, nos dias estabelecidos, é possível comprar e vender diversos produtos. Ao investigar a definição de mercado e avaliar a sua função, é possível descrever o âmbito, já que seja físico ou virtual, no qual são geradas as condições necessárias para trocar bens e serviços. Cabe ressaltar que o mercado aparece como uma forma de unir vendedores e comprados, o que permite definir um sistema baseado na oferta e procura. Continue lendo, para conhecer como este termo está relacionado com dinheiro e negócios.

Continuar a ler

Definição de Empresa

Vida de uma empresaSaiba qual é a definição correta para empresa. Encontre o significado desta palavra aqui, no Negócios e Dinheiro. Melhore a sua educação financeira!

Uma empresa é uma entidade económico-social, integrada por pessoas, bens materiais e técnicos, que tem o objetivo de obter utilidades através da sua participação no mercado de bens e serviços. Para isso, faz frente aos fatores produtivos (trabalho, imobiliário e capital). As empresas podem ser classificadas segundo a atividade económica que desenvolvem. Assim, podemos encontrar empresas do setor primário (que obtêm os recursos a partir da natureza, como as agrícolas, pesqueiras ou pecuária), o setor secundário (dedicadas à transformação de bens, como as industriais e a construção) e o setor terciário (empresas que se dedicam à oferta de serviços ao comércio). Continue lendo para conhecer melhor a definição de empresa.

Continuar a ler

Definição de Economia de Mercado

Economia de MercadoSaiba o que significa a economia de mercado para perceber mais sobre este termo. Aprenda com o Negócios e Dinheiro mais sobre economia.

Economia de mercado é a ciência social que se encarrega de estudar os processos de produção, intercâmbio e consumo de produtos e serviços, que se conhece como economia. O termo tem origem no idioma grego e significa “administração de uma casa”. O mercado, por outra parte, é o ambiente que permite o desenvolvimento de intercâmbio de bens e serviços. Trata-se de uma instituição social mediante as quais os vendedores e compradores ocupam uma relação comercial.

Continuar a ler

Definição de Economia

Definição de EconomiaSaiba qual é a definição de economia. Descubra o significa exato sobre este termo que está relacionado com o dinheiro. Descubra qual é a definição no blog Negócios e Dinheiro.

A economia pode ser marcada como um grupo de ciências sociais, já que se dedica ao estudo dos procedimentos produtivos e de intercâmbio, e à análise do consumo de bens (produtos) e serviços. O vocabulário provém do grego e significa “administração de uma casa ou família”. Em 1932, o britânico Lionel Robbins criou outra definição sobre a ciência económica, ao considera-la como um ramo que analisa como os seres humanos satisfazem as suas necessidades ilimitadas com recursos escassos que têm diferentes usos. Quando um homem decide utilizar um recursos para a produção de um certo bem ou serviço, assumo o custo de não poder usá-lo para a produção de outra coisa. A isto chama-se de oportunidade. A função da economia é fornecer critérios racionais para a alocação de recursos o mais eficiente possível.

Continuar a ler